Dicas para desenvolver Mindfulness na sua vida

18
06
2019

1. Permita-se "sentir" suas emoções.

Permita-se sentir em suas emoções, digamos, durante uma breve meditação matinal ou depois de uma reunião sobrecarregada. Permita que esses sentimentos surjam completamente, ultrapassando seu corpo, de modo que eles recebam sua parcela de atenção. Até mesmo o processo de nomear esses sentimentos é útil. A chave é não combater essas emoções. Quais suas necessidades não estão sendo atendidas? Por que você se sente assim? Existe sabedoria nas suas emoções?

Próximo passo: medite sobre seus sentimentos, quando / se você precisar. Faça um intervalo de 10 minutos, de vez em quando, para "sentir" suas emoções e o que elas podem estar dizendo.

 

2. Crie uma prática de gratidão pela manhã.

Quando você acorda pela primeira vez, comece a criar uma lista de pessoas e circunstâncias que ajudem a mantê-lo feliz e vivo hoje. Você pode agradecer a seus pais, colegas, companhia, saúde, finanças, lar confortável e seguro, o planeta Terra e todos os seus habitantes, seus mentores e professores, amigos e outras coisas que o sustentam. Mesmo se você estiver passando por um período difícil em sua vida, tente pensar fora da caixa e lembre-se do motivo pelo qual pode receber gratidão - mesmo que seja apenas água corrente, um banheiro e uma cama. Gaste cerca de 10 minutos, apenas fazendo isso, com total concentração e até mesmo sentindo em seu coração, corpo e emoções.

Encontre outras oportunidades para incorporar gratidão - antes de comer, pegar um ônibus na hora certa, antes de entrar no carro, ou mesmo passando por um belo trabalho de arte ou natureza. Até as pequenas coisas podem ser mágicas. Há tantas coisas pelas quais ser grato!

Próximo passo: Passe 10 minutos pela manhã, pensando e sentindo pelo que você é grato.

 

3. Refeição Contemplativa.

Temos a tendência de nos distrair durante as refeições, especialmente quando estamos em nossas mesas, almoçando. É normal abrir um site de notícias e sentir-se produtivo enquanto come ou quando estiver em casa para assistir ao seu programa de TV gratificante favorito. Tente encontrar uma refeição todos os dias, na qual você esteja comendo em silêncio, talvez até com os olhos fechados, saboreando cada mordida de sua comida lentamente, com profunda contemplação. De onde veio essa comida, que tipos de texturas e sabores você experimenta? O que acontece quando você dá uma pequena mordida, versus uma grande? Em que ponto você realmente fica satisfeito? Isso pode realmente ser um exercício alegre, pois, em nossa vida moderna, "vivemos para comer" - quase tudo o que fazemos é realmente comer comida deliciosa e morar em uma casa confortável! Por que não aproveitar completamente durante esses 30 minutos?

Próximo passo: Escolha uma refeição no seu dia, na qual você pode comer em silêncio, com consciência, alegria e concentração.

 

4. Tire suas distrações.

Existem milhares de pensamentos em torno de nossas cabeças. Comece removendo tudo o que enche sua mente com informação irrelevante ou entretenimento que forneça pouco ou nenhum valor em sua vida.

Próximo passo: liste as coisas que o distraem de ter tempo para si mesmo, foque no que realmente importa – tire as distrações de sua vida, uma a uma, mas sem sentir que está se privando, é claro!

 

5. Alimente sua mente e alma com livros, sites, revistas e outros conteúdos saudáveis.

Pesquise e consuma conteúdos que realmente possam agregar valor real à sua vida e rotina.

Próxima etapa: encontre livros, sites ou blogs que você consideraria úteis para o seu crescimento pessoal e paz interior e passe meia hora por dia lendo-os.

 

6. Separe um tempo de meditação (e oração, se você é um pouco espiritual).

O que é meditação, as pessoas perguntam? Existe essa poderosa analogia que é usada - imagine uma jarra de vidro cheia de água suja. Quando você agitar o copo, parece escuro e lamacento; No entanto, quando você ajusta o frasco para baixo, ao longo do tempo, a sujeira começa a descer até o fundo. Isso é o que acontece durante a meditação - nossos pensamentos, julgamentos, sentimentos começam a se acalmar. Quando você está sentado, apenas observando a inspiração e a expiração de sua respiração, você notará muitos pensamentos passando, como nuvens no céu - em vez de se envolver neles, e permitindo que suas reações comecem a tomar conta, apenas observe estes pensamentos. e veja o que acontece. Muitos deles desaparecem! Você pode até experimentar períodos de um ou dois minutos de espaços sem pensamentos entre os pensamentos, que são como o silêncio - espaços puros de potencialidade.

Quanto tempo deve meditar? Enquanto uma hora por dia seria ideal, fazer até 30 minutos de manhã é suficiente.

Próximo passo: Após sua prática de gratidão, sente-se por 30 minutos em silêncio; ou faça em seu trajeto para o trabalho, apenas observando sua respiração. Sorria, relaxe e aproveite o tempo "você".

 (16) 3623.4433
 (16) 3623.4433
 (16) 3623.4433
 (16) 3623.4433
 (16) 3623.4433